Músicos


_MG_8924
Rodrigo Dias – Voz e Cordas


Rodrigo Dias é Musicoterapeuta, Cantor e Compositor. Há 12 anos no meio do samba já trabalhou com Tias Baianas Paulistas, Toinho Melodia, Thobias da Vai-vai, Rosas de Ouro, Zé Maria, Seu Carlão do Peruche, Velha guarda da Vila Maria, Velha guarda da Nenê de Vila Matilde, Ala de compositores da Peruche, Eliana de Lima, Royce do Cavaco, Embaixada do Samba Paulista, T. Kaçula, Dan Nakaguawa, Juliana Lima, Joãozinho Carnavalesco, Leci Brandão, Mestre Brasília entre outros.
Tem como influência mestres da Capoeira, como Mestre Pastinha, Bimba, Suassuna, Acordeon, Brasilia e Mestre Salustiano, os grandes nomes do samba paulista que são Henricão, Geraldo Filme, Adoniram Barbosa, Quinteto em Branco e Preto, Seu Carlão do Peruche, Zé Maria, Ideval Anselmo, Chapinha, T. Kaçula, Dadinho, ícones da nossa música como Ricardo Rigolon (Chanel), Luizinho 7 Cordas, Partido em 5, Candeia, Paulinho Soares, Waldir Azevedo, Jacob do Bandolim, Pixinguinha, e também da nossa cultura brasileira, como Antonio Nóbrega e Dinho Nascimento.
Tem paixão por tudo que é genuinamente brasileiro como a Capoeira, Samba, Chorinho, Coco de Roda, Ciranda e Jongo.

“Por que samba? Não escolhi, aconteceu. Gosto de tudo que é brasileiro, até hoje não vi um gênero musical dessa nossa nação que não tenha me contagiado”.




_MG_8807
Ivan Gomes – Percussão


É o percussionista do Balaio e foi apresentado ao mundo da música por intermédio do GRES Rosas de Ouro, quando começou a ter mais proximidade com os instrumentos de percussão e corda.
Sua formação musical passou por outras escolas de samba como Mocidade Alegre, Camisa Verde e Branco, Acadêmicos do Tucuruvi e Barroca Zona Sul. Ivan fez turnê também com músicos do Olodum, além de ter como referência  musical rodas de samba como Em cima da Hora,  Polenghe, Clube dos Sambistas de SP, com André Pantera, entre outros.
Ivan Gomes é formado em Relações Públicas e atua no mercado cultural.

“O samba é a manifestação artística que mais me liga às minhas raízes, o que eu faria por toda a vida, singular satisfação que me traz.”

 




_MG_8962
Diogo Felix – Percussão


Diogo Felix já tocou com Douglinhas Batucada ( Velha Guarda da Camisa), Parcio Anselmo (Ala compositores da Camisa), Cleber Eduardo (FM Brasil), Rafa Pimenta (back vocal banda Pollo).
Tem como seus ídolos Noel Rosa, Cartola, Candeia, Wilson das Neves, Geraldo Pereira, Chico Buarque, Geraldo Filme, Adoniran Barbosa, Mussum, Baden Powell, Paulinho da Viola, Zé Keti, Quinteto em Branco e Preto, Nelson Gonçalves, Nelson Cavaquinho, Nelson Sargento, Almir Guineto, Dona Ivone, Clara Nunes, Paulo Cesar Pinheiro, Emilio Santiago, Luiz Carlos da Vila, Martinho da vila, Osvaldinho da Cuíca, Roberto Silva, Pedrinho da Flor, Os Originais do Samba, Jorge Ben, Tim Maia, Ed Motta, Raul Seixas, Ray Charles, James Brown, Racionais, Sabotagem, entre muitos outros.

“O Balaio de Samba é valorização do que há de mais autêntico na música, Cultura Brasileira e Afro-Brasileira”.




_MG_8834
Jefferson Motta – Voz e Cordas


Trabalha com samba há 10 anos. Já tocou com Ala de compositores da Peruche, Projeto Virado a Paulista, Duda Ribeiro e Conjuntos de Choro.
Tem como influência Paulo Cesar Pinheiro – mais versátil e completo compositor da música brasileira; Baden Powell – maior expoente do “violão negro” brasileiro e João Nogueira – um dos melhores interpretes.
Seus ídolos são Clara Nunes, Chico Buarque, Luís Carlos da Vila, Elton Medeiros, Fundo de Quintal, Renato Braz, Eduardo Gudin, Marco Pereira, Raphael Rabello, Yamandu Costa, Dominguinhos, Luiz Gonzaga, MPB4, Pixinguinha, Tom Jobim, Luis Bonfá, Pedro Miranda, Moacyr Luz, Cartola, Fabiana Cozza, Paulo Bellinati, Monica Salmaso, Tobias, Osvaldinho da Cuica, Zé Maria da Peruche, Adoniran Barbosa, Elis Regina, Toquinho, Vinicius de Moraes, Roberto Riberti entre outros.

“O Balaio de Samba existe para disseminar o samba, sua história e também as histórias das músicas e seus compositores”.




_MG_8902
Priscila Cardoso – Voz


Nova no meio, Priscila é estudante de música. Já trabalhou com Jefferson Motta (Violonista), Marcelo Brazil (Maestro e Violonista).
Suas maiores influências são Clara Nunes, Elis Regina, Fabiana Cozza, Cartola, Dominguinhos, Luiz Gonzaga, Baden Powell.

“Gosto de samba porque é o gênero que me identifico e que me dá mais satisfação em interpretar”.

Have your say